Vida Sustentável

Vida Sustentável

Vida Sustentável RSS Feed
 
 
 
 

Mulheres representam 72% dos consumidores de produtos orgânicos

Foto: Juarez Tosi/Vida Sustentavel

Cultivados sem agrotóxicos ou aditivos químicos, os alimentos orgânicos atraem consumidores em busca de uma vida saudável, principalmente as mulheres.
Um estudo realizado na Faculdade de Agronomia e Medicina Veterinária (FAV), da Unb (Universidade de Brasília), revela que o grupo feminino representa 72% daqueles que buscam esses produtos.
De acordo com o engenheiro agrônomo, Maurício Junio Gomes, que auxiliou a pesquisa, o índice é explicado pelos papéis sociais. “Geralmente, é a mulher que faz a compra de alimentos. Mesmo quando encontrávamos casais, os homens pediam que elas fossem ouvidas”, revela.
Coordenado pela professora Ana Maria Resende Junqueira, o trabalho consultou 400 consumidores em sete pontos de venda no Distrito Federal, entre eles, feiras orgânicas, a Ceasa e um supermercado de grande porte.
Renda e escolaridade
Outros dados sobre o perfil do consumidor de produtos orgânicos refere-se ao alto poder aquisitivo.
Enquanto 59% declararam ter uma renda acima de R$ 5 mil, se esse percentual for somado ao grupo que vem logo em seguida, compreendido entre R$ 3,5 mil e R$ 5 mil, o montante chega a 77%.
Em relação à escolaridade, 77% dos entrevistados concluíram algum curso universitário. Já em termos absolutos, 27% já fizeram uma pós-graduação.
Segundo a professora, o consumo de orgânicos é característico de um público que ultrapassou o nível socioeconômico mínimo para efetuar as comprar de itens básicos e tem condições para escolher produtos que reúnem mais atributos dequalidade.
Uma questão de saúde
O estudo ainda aponta que 88% adquirem um produto orgânico porque se preocupam com a saúde, afinal, esse sistema de cultivo elimina resíduos de agrotóxicos.
Entretanto, apesar de esse plantio ser sustentável e não agredir à natureza, o fator cuidado com o meio ambiente apareceu em terceiro lugar, com 33% das respostas.
Ademais, a opção por ambas as respostas citadas varia deacordo com a idade do entrevistado. Se entre os que possuem mais de 60 anos, 92% se preocupam com a saúde e 17% com o ambiente, entre aqueles que têm 20 anos, o montante se equipara a 50% e 50%.
Perfil leal
Em relação aos hábitos, o consumidor de alimentos orgânicos costuma ser mais fiel, já que 53% compram esses produtos há mais de quatro anos e 11% entre três e quatro anos. Menos de 1% dos entrevistados estava no local de venda pela primeira vez.
Para Gomes, os resultados podem auxiliar o produtor a ofertar serviços mais direcionados a um determinado público.
“Conhecer os consumidores, suas preferências e expectativas é um componente importante em qualquer estratégia para aproximação entre consumidor e produtor, e também para a melhoria contínua do produto”, destaca.
Alface, a hortaliça mais vendida
A sacola de alguém que compra produtos orgânicos, certamente terá um pé de alface e, provavelmente, cenoura, rúcula, couve e agrião. Esses são os cinco produtos mais comprados por esses consumidores.
Campeão de agrotóxicos em outras formas de cultivo, o tomate aparece em sexto lugar, enquanto o morango não figurou nem entre os dez primeiros. O motivo está mais na falta de oferta do que na procura.
“No termo dedificuldade, a maioria reclamou de não encontrar tomate. Morango não havia porque estávamos na entressafra”, explica Gomes, “com agrotóxico se produz tudo sempre, mas no sistema orgânico, depende de fatores ambientais, praga e época certa”.

Texto da Agência InfoMoney.

One Response to “Mulheres representam 72% dos consumidores de produtos orgânicos”

  1. 1
    Renato Gil:
    Impressionantes esses dados. Essa pesquisa serve como uma grande referência sobre o consumo de orgânicos.
    RenatoG

Comente!!

Indicamos

Receba nossas informações:

Nome:



Email: