Vida Sustentável

Vida Sustentável

Vida Sustentável RSS Feed
 
 
 
 

Especialistas afirmam que fumar para emagrecer não é a melhor opção

cigarro_fazmal001
Os fumantes tendem a comer menos ou a se alimentar mal Os vaidosos sempre têm uma desculpa na ponta da língua: “Parar de fumar engorda, e eu não quero engordar mais”. Essa afirmação não é mentira, mas, de boca em boca, acabou um tanto deturpada. A questão estética, de acordo com os médicos, não é tão comprometida quanto muitos pensam. Em média, os pacientes ganham de quatro a seis quilos. Mas em contrapartida, uma supervisão adequada no processo de largar a dependência pode inverter esses dados. Entre as estratégias está a de fazer exercícios físicos.

A psiquiatra Célia Lídia da Costa explica que “se forem realizados de forma regular e o paciente fizer uma dieta correta, é possível que perca peso em vez de ganhar. Por isso, a questão estética não é desculpa”.

Mas por que as pessoas engordam quando abandonam o vício do cigarro? Uma das respostas para este questionamento é de que o uso da nicotina altera o metabolismo, o que ajuda a gastar energia. Outro motivo é que os fumantes tendem a comer menos ou a se alimentar mal. Muitas vezes, a fome é disfarçada ou “enganada” com as tragadas.

Pessoas ansiosas, por exemplo, que têm o impulso de comer para se acalmar, preferem acender um cigarro, ingerindo, dessa forma, menos calorias. A nicotina age ainda no cérebro, reduzindo o apetite. “O fundamental é saber que é possível parar de fumar sem ganhar peso e, principalmente, derrubar o mito de que o cigarro emagrece. Emagrecer está mais relacionado a hábitos saudáveis de alimentação e estilo de vida do que a fumar ou não”, ressalta a biomédica Luciana Rizzieri Figueiró.

Fonte: Assessoria de Imprensa – Portal Educação

Comente!!

Indicamos

Receba nossas informações:

Nome:



Email: