Vida Sustentável

Vida Sustentável

Vida Sustentável RSS Feed
 
 
 
 

Produtos orgânicos contribuem para a preservação do meio ambiente

 organicos
O Brasil é o segundo maior produtor de produtos orgânicos do mundo, perdendo apenas para a Oceania, mas exporta 70% de tudo que produz neste setor. Estes dados foram repassados pelo diretor da maior empresa do ramo no país, Reginaldo Morikawa, durante a palestra “O Desenvolvimento do Mercado Orgânico”, realizada na quarta-feira (08.07), na Expo-Ecos 2009, em Cuiabá (MT).

Abordando o assunto de maneira aprofundada e fazendo uma análise geral do mercado no Brasil, o especialista explanou sobre a qualidade dos produtos naturais e orgânicos e seus benefícios para a saúde dos consumidores, já que segundo pesquisas do Ministério do Meio Ambiente, estes produtos possuem quatro vezes mais nutrientes que os produzidos com o uso de agrotóxicos.

Outro fator interessante é o fato desses produtos se encaixarem perfeitamente nos princípios da sustentabilidade, já que não utilizam agrotóxicos em sua produção, contribuindo assim para a preservação do meio ambiente.

Morikawa também falou de alguns dos produtos produzidos pela empresa, que atua no mercado de produtos orgânicos há mais de 15 anos. Além de frutas e verduras orgânicas, a empresa também produz o chamado frango natural, de criação própria, sem o uso de antibióticos e outros remédios, alimentado com ração feita à base de milho e soja orgânica.

PRODUTO ORGÂNICO

É todo produto, animal ou vegetal, obtido sem a utilização de produtos químicos ou de hormônios sintéticos que favoreçam o seu crescimento de forma não natural. Isso inclui alimentos e produtos manufaturados produzidos a partir de produtos não sintéticos, tais como os sapatos feitos de couro natural e de roupas feitas de algodão orgânico.

Em 2003, o Brasil aprovou uma lei específica para a agricultura orgânica. Ao mesmo tempo, elaborou um plano de trabalho para executar o Programa de Desenvolvimento na Agricultura Orgânica, contemplado no Plano Plurianual 2004-2007. Com isso, o governo brasileiro valoriza o segmento, estruturando o gerenciamento físico e financeiro das ações para a área. 

Fonte: Luciane Mildenberger ASC/Sefaz-MT.

Comente!!

Indicamos

Receba nossas informações:

Nome:



Email: