Vida Sustentável

Vida Sustentável

Vida Sustentável RSS Feed
 
 
 
 

Agroecologia é reconhecida pela Embrapa

agroecologia1
Integrantes do Fórum Permanente de Agroecologia, composto por pesquisadores da Embrapa e representantes da Associação Brasileira de Agroecologia, Associação Nacional de Agroecologia e Via Campesina, estiveram reunidos na sede da Embrapa com o diretor-presidente, Pedro Arraes, no último dia 20 de Agosto, para apresentar as ações realizadas e encaminhar as estratégias para institucionalização desta temática na empresa.

O diretor-presidente Pedro Arraes reconheceu a relevância do trabalho, e
afirmou que a administração atual está em sintonia com a agenda estratégica  do Fórum. “É importante que a Embrapa tenha a Agroecologia como uma ação institucional” foi a mensagem do diretor-presidente aos membros do Fórum de Agroecologia. Segundo o coordenador do Fórum, João Carlos Costa Gomes, foram feitos encaminhamentos no sentido de aproveitar as contribuições do grupo para consolidação, internalização e institucionalização do tema agroecologia na pauta de pesquisa e transferência de tecnologia da Embrapa.

Essa foi a orientação do diretor-presidente Pedro Arraes, ao final da
reunião. “Essa é uma grande preocupação do grupo, que foi criado por uma
demanda da sociedade civil que buscava respostas científicas no campo da
Agroecologia com uma estratégia de aumentar a sustentabilidade da
agricultura familiar. Esse é o eixo da nossa atuação”, disse Costa Gomes.
“Estamos também num processo de sistematização de experiências em
agroecologia em parceria com a ABA e com a ANA, onde foram identificadas mais de 150 experiências que estão em andamento, muitas delas de pesquisadores da Embrapa”. Continuando, ele explica que esse processo de sistematização está em curso.

Foram selecionadas 72 experiências e, no Congresso Brasileiro de
Agroecologia serão apresentadas duas por região. “Vamos realizar ainda seis seminários regionais, sendo dois na Amazônia pela sua dimensão. A partir da sistematização dessas experiências elaboraremos um livro que retrate as experiências de ensino, pesquisa e extensão em Agroecologia nas diferentes regiões brasileiras, enfatizando os processos de inovações local criados em m ambiente de construção coletiva do conhecimento, acrescentou Costa Gomes.

Dentre as pautas do Fórum apresentadas ao diretor-presidente destacam-se a promoção de uma capacitação permanente e continuada do corpo técnico da Embrapa em Agroecologia e Metodologias Participativas; a realização de um Seminário Nacional com etapas preparatórias em eventos regionais para atualizar o Marco Referencial de Agroecologia e criar estratégias para institucionalizar a temática na empresa.

A participação do diretor-presidente na abertura do Congresso Brasileiro de Agroecologia e, o estímulo a participação dos pesquisadores e analistas da Embrapa  nesse evento também foi acordado. De acordo com Costa Gomes, os cerca 1500 trabalhos científicos já inscritos demonstra o vigor com que o tema vem sendo tratado no país afora. “Esse vigor, é o que também nos leva a realizar uma reunião especial com os técnicos da Embrapa no Congresso, com o objetivo de reforçar a institucionalização do tema”, finaliza.

Fonte: Associação Brasileira de Agroecologia (ABA).

Comente!!

Indicamos

Receba nossas informações:

Nome:



Email: