Vida Sustentável

Vida Sustentável

Vida Sustentável RSS Feed
 
 
 
 

Campanha visa divulgar brócolis e beterraba orgânicos

Vamos comer beterra e brócolis é a campanha da Feira dos Agricultores Ecologistas, FAE, para os dias seis e treze de novembro. Além de serem divulgados os valores nutricionais desses legumes também há um desconto especial no custo de cada molho, agora oferecido pelos feirantes a dois reais.
 
“Da beterraba aproveitamos o tubérculo e as folhas”, explica a nutricionista Herta Karp Wiener, que a partir das nove horas está na Banca do Meio para explicar o valor nutricional e distribuir receitas. Entre elas, a farofa e o creme de beterreba: “quem experimenta delicia-se com esta preciosidade culinária”, comenta Herta.
 
As bancas que oferecem os legumes na promoção estão identificadas com cartazes coloridos: Aqui promoção de brócolis e beterraba. Apenas R$2,00 cada molho. Esta oferta especial deve-se à colheita farta e à primavera, a melhor época do ano para estas hortaliças orgânicas.
 
Segurança alimentar
 
Na pesquisa divulgada nesta quarta-feira, a Anvisa, Agência Nacional de Vigilância Sanitária, apontou a alta presença de agrotóxicos nos alimentos consumidos no Brasil e orientou a população para consumir alimentos orgânicos. Vindos diretamente do produtor, os preços dos produtos ofertados na feira ecológica saem bem mais em conta do que aqueles encontrados nas gôndolas dos supermercados.
 
Além de estarem livres de venonos e produtos da química industrial, os alimentos orgânicos têm quantidades bem maiores de nutrientes do que os alimentos convencionais. “Para se ter uma idéia, enquanto que 100g da espinafre cultivada com defensivos e adubos industriais apresenta 1 mg de ferro, a mesma folhosa tem 1938 mg do mesmo mineral se for produzida de maneira orgânica”, explica o agrônomo Sebastião Pinheiro, citando dados de um estudo feito na Universdiade de Rutgers.
 
Pinheiro apresentou estes dados no encontro de formação dos produtores da FAE, ocorrido no Sítio Pé-na-Terra no dia 27 de setembro, que teve como tema adubação e manejo de solos para o cultivo orgânico. No periodo da manhã, Sebastião expôs sua experiência aplicada em vários países da América Latina. Durante a tarde, os produtores mostraram como fazem a compotagem nas suas propriedades utilizando a matéria orgânica disponível como folhas, algas, esterco de gado e outros materiais.
 
A FAE, que em 2010 completa 21 anos, acontece todos os sábados no canteiro central da primeira quadra da avenida José Bonifácio, em Porto Alegre, das 7 às 13h.
 
Texto da jornalista Cláudia Dreier – FAE.

Comente!!

Indicamos

Receba nossas informações:

Nome:



Email: