Vida Sustentável

Vida Sustentável

Vida Sustentável RSS Feed
 
 
 
 

Seis empresas brasileiras vão à Alemanha para maior feira internacional de orgânicos

Evento ocorre de 16 a 19 de fevereiro

O Brasil participa da maior e mais importante feira internacional de produtos orgânicos, a Biofach Nuremberg (16 a 19 de fevereiro), com seis empresas associadas ao Projeto Organics Brasil, uma parceria entre a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) e o IPD (Instituto de Promoção do Desenvolvimento), que promove os produtos orgânicos brasileiros no mercado internacional.

Das empresas associadas ao Projeto Organics Brasil, participam como expositoras na Biofach Nuremberg: MN Própolis (mel), Triunfo (chá mate), Natural Fashion (confecção em algodão), Rio de Uma (legumes), Art da Terra (bijouterias em capim dourado) e Nutribotânica (acerola).

Na Vivaness, feira especializada em cosméticos paralela à Biofach, estarão a Surya e a Florestas/Ikove. Mais de 20 empresas associadas participam como parceiras de distribuidores mundiais, como a Beraca (cosméticos) e as certificadoras (IBD, IMO, Ecocert); ou como visitantes para fortalecer relacionamento com clientes e prospectar novas frentes de negócios.

“Com a economia mundial aquecida e produtos com maior valor agregado, as perspectivas são de bons negócios e de um aumento de 20% em relação ao ano passado, que resultou em US$ 6,2 milhões em exportações para mais de 25 países”, explica Ming Liu, coordenador executivo do Projeto Organics Brasil.

Ainda no espaço do Projeto Organics Brasil, o Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA) participa com 10 cooperativas produtoras de açúcar mascavo, cachaça, café, guaraná, cacau em amêndoa, castanha e umbu. Bons resultados em 2010 O ano de 2010 foi muito bom para as 72 empresas associadas ao Organics Brasil, que totalizaram exportações na ordem de US$ 108,2 milhões.

“Este resultado representou um crescimento de 130% em relação a 2009. Desse total, o setor de alimentos representou 96% com destaque para: açúcar, polpas de frutas (açaí, acerola e laranja), mel, castanhas, e produtos industrializados como os derivados de frutas, grãos e café”, complementa Ming Liu.

As duas maiores produtoras de açúcar do país (Native e Jalles Machado) são associadas ao Organics Brasil. Juntas, representam cerca de 70% de todo o açúcar orgânico consumido no mercado mundial. “O mercado de orgânicos no mundo se mantém em alta e, para o Projeto Organics Brasil, as perspectivas de negócios em 2011 são positivas, com a inclusão de novas empresas que passaram pelo processo de certificação internacional”, explica Liu.

Segundo ele, o mercado continuará aquecido, com novos produtos e mais consumidores de orgânicos. “A regulamentação, oficialmente instalada, também estimulará que novas empresas entrem neste mercado”, completa.

Sobre o Projeto Organics Brasil
O Organics Brasil promove as exportações dos produtos orgânicos brasileiros no mercado internacional, reunindo empresas e produtores em torno de uma marca única, atendendo aos mais exigentes padrões de adequação sócio-ambiental.

O Projeto Organics Brasil é resultado de uma ação conjunta entre o IPD (Instituto de Promoção do Desenvolvimento) e a Apex-Brasil (Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos), compondo uma sólida base institucional criada para fortalecer o setor brasileiro de orgânicos e viabilizar sua expansão no mercado internacional.

Fonte: Comex do Brasil.

Comente!!

Compre aqui

Indicamos

Receba nossas informações:


Nome:



Email: