Vida Sustentável

Vida Sustentável

Vida Sustentável RSS Feed
 
 
 
 

Organização Mundial da Saúde classifica fumaça do diesel como cancerígena

A fumaça produzida por motores a diesel causa câncer, afirmou na terça-feira, 12, a Organização Mundial da Saúde (OMS). Para a Agência Internacional para Pesquisas sobre Câncer (IARC, na sigla em inglês), órgão da OMS encarregado de estudar o câncer, a substância teve o status alterado de “provavelmente cancerígeno” para “cancerígeno”.
 
Segundo Kurt Straif, diretor da IARC o risco de se contrair câncer através das emissões de diesel está no mesmo nível do tabagismo passivo. Dado que muitas pessoas estão expostas a tais emissões, Straif afirmou que pode haver muitos casos de câncer de pulmão relacionados à queima do diesel. “Os países devem fazer mais esforços para diminuir as emissões dos gases que escapam dos motores a diesel”, disse.
 
O especialista afirma que a fumaça afeta pedestres, passageiros e tripulação de navios, trabalhadores ferroviários, assim como caminhoneiros, mecânicos, mineiros e aqueles que operam maquinaria pesada.
 
A nova classificação do diesel vêm após uma semana de debates em Lyon, na França. A decisão do painel de especialistas será a diretriz da IARC.
 
Os especialistas basearam-se em estudos com animais e humanos. Uma das maiores pesquisas foi publicada em março, pelo Instituto Nacional do Câncer dos Estados Unidos. O trabalho se baseou na análise de 12,3 mil mineiros durante várias décadas a partir de 1947. Os pesquisadores concluíram que os trabalhadores mais expostos à fumaça têm mais chances de morrerem de câncer no pulmão.

Fonte: Instituto Nacional do Câncer (INCA).

Comente!!

Compre aqui

Indicamos

Receba nossas informações:


Nome:



Email: