Vida Sustentável

Vida Sustentável

Vida Sustentável RSS Feed
 
 
 
 

Sementes são a base da liberdade alimentar, diz Vandana Shiva

A Cúpula dos Povos, no Aterro do Flamengo na cidade do Rio de Janeiro, foi palco na manhã desta quinta-feira (21) de um seminário sobre biopirataria. Contando com a presença da ambientalista indiana Vandana Shiva o encontro lotou uma das tendas destinada às discussões sobre justiça social e ambiental, paralelamente a Conferência da ONU sobre desenvolvimento sustentável, a Rio+20.

Vandana relatou as ações feitas na Índia para frear o avanço da apropriação indevida das sementes por parte das empresas. No país o governo está movendo uma ação judicial contra a Monsanto, que desenvolveu uma patente em cima da berinjela. “Eles pegaram a nossa berinjela e fizeram outra, geneticamente modificada com ingredientes tóxicos”, descreveu a indiana.

Ela descreve como terríveis as conseqüências das patentes sobre as sementes. “Estão sendo feitas patentes para que o agricultor não desenvolva suas próprias e quando uma semente que possui patente é guardada, isto torna-se crime. Dessa forma quando o agricultor precisa plantar ele precisa se individar”. Vandana destacou que ¼ de milhão de agricultores indianos já se suicidou em virtude disto.   “Quando Colombo iniciou esta tendência de se apropriar das terras, ele trouxe também genocídio e a violência e o mesmo está acontecendo agora com esta apropriação das sementes e da vida “,  concluiu ela.

A ambientalista também descreveu os princípios de liberdade das sementes, consideradas as bases da liberdade alimentar. “As sementes não são uma invenção, a vida não é uma invenção”, falou Vandana sendo aplaudida pela platéia.

Por Raíssa Genro, especial para EcoAgência de Notícias.

Comente!!

Indicamos

Receba nossas informações:

Nome:



Email: