Vida Sustentável

Vida Sustentável

Vida Sustentável RSS Feed
 
 
 
 

Seminário de Experiências Agroecológicas debateu o consumo responsável

Discussões, relatos de experiências e palestras, marcaram o último dia de atividades do do I Seminário de Experiências Agroecológicas no Contexto Amazônico, realizado no auditório Rio Javari, da Universidade Federal do Amazonas.

Para debater o tema Consumo Responsável estiveram presentes participantes do Grupo Interdisciplinar de Estudos Sócio Ambientais e de Desenvolvimento de Tecnologias Apropriadas na Amazônia (Interação), que apresentaram o projeto “Ações integradas de pesquisa-ação e extensão tecnológica para inclusão social no meio urbano e em comunidades ribeirinhas”, e o representante do Instituto Kairós, que abordou sobre o “Consumo Responsável”.

No último evento do seminário, “Encaminhamento das Estratégias para o Fortalecimento da Agroecologia no Região”, a mesa foi formada pela professora Jozane Lima e pelo diretor da Faculdade de Ciências Agrarias (FCA), professor Neliton Marques.

Durante o evento, foi elaborada uma proposta de carta com ideias para o fortalecimento da Agroecologia no Amazonas. A carta será apresentada na próxima edição, prevista para ocorrer daqui há cinco anos, denominada  “Amazonas +5 na Agroecológia”.

Alguns desses encaminhamento são: a criação de núcleos de agroecológia, a formatação de projetos associados ao tema e a valorização e o estimulo da produção de hortaliças não convencionais.

O diretor da FCA, professor Neliton Marques, adicionou mais um encaminhamento à carta ao dizer que faz-se necessário existir um processo de certificação da produção orgânica. “Hoje se vai à feira e não se sabe a procedência do produto, e acabamos comprando um alimento sem saber se ele é um produto orgânico e sem agrotóxico. É necessario existir um processo de certificação da produção orgânica”.

No discurso de encerramento, a coordenadora geral do Núcleo de Socioeconomia (NUSEC), professora Therezinha Fraxe, afirmou que o evento foi de suma importância, pois ajuda a valorizar quem está trabalhando com agroecologia no Estado e a unir os agroecologistas do Estado.

A professora Therezinha Fraxe disse também: “Durante os próximos cinco anos, vamos pressionar de alguma forma os governos estadual e federal, junto com a Associação Brasileira de Agroecológia em busca de financiamento para nossos projetos”. Terminou citando a contrução do Centro de Agroecológia, ainda em obras iniciais.

Outras Atividades

Além das atividades realizadas no auditório, no Hall da Faculdade de Tecnologia (FT), foram realizadas a Feira dos Produtos Agroecológicos e a apresentação de trabalhos técnicos-científicos, em forma de banner; e no Setor de Produção da Faculdade de Ciências Agrárias foi realizada a oficina “Prática de Adubação Orgânica”, coordenada pelo professor Nailson Celson Nina, do Núcleo de Socioeconomia (NUSEC).

A oficina teve como objetivo explicar aos participantes como produzir um adubo barato e rico utilizando os recursos provindos da propriedade. “O objetivo da oficina: mostrar aos participantes que é possivel utilizar os recursos naturais que se possui dentro da propriedade, como resto de folha, esterco de animais, e transformar isso em um adubo barato e rico em nutriente que melhora o solo e, consequentemente, melhora a saúde das plantas e consequentemente a produção”, explicou o professor Nailson Celson.

Por Vida Sustentável, com informações da Universidade Federal do Amazonas.

Comente!!

Indicamos

Receba nossas informações:

Nome:



Email: