Vida Sustentável

Vida Sustentável

Vida Sustentável RSS Feed
 
 
 
 

Curso de especialização incentiva práticas sustentáveis em áreas de cultivo

O curso de especialização em Gestão de Agroecossistemas Sustentáveis, oferecido pela Universidade de Caxias do Sul (UCS), capacita profissionais para a implementação de áreas de cultivo mais sustentáveis, com aplicação nas unidades rurais tecnologias inovadoras de produção com menor impacto ambiental. A capacitação é voltada a agrônomos, tecnólogos, engenheiros, biólogos, geógrafos, sociólogos, administradores e profissionais das áreas de gerenciamento das questões agroambientais. As inscrições encerram no dia 26 de julho e podem ser feitas pelo site da instituição. A duração é de 18 meses.

A coordenadora do curso, professora Valdirene Camatti Sartori, do Centro de Ciências Agrárias e Biológicas, destaca que toda a fundamentação teórica e prática está focada na produção de alimentos com menor nível de agrotóxicos possível. A oferta é pertinente diante de informações da Agência Nacional de Vigilância Sanitária sobre o crescimento do comércio de agrotóxicos no Brasil: entre 2000 e 2010, foi de 190%.

Outras informações pelos telefones (54) (54) 3218-2800, 3218-2152 e 3218-2322, ou e-mail: posgrad@ucs.br.

Agricultura orgânica

Desde 2005, a UCS promove, a cada dois anos, um encontro na área da agricultura orgânica (neste ano, o evento está previsto para setembro) e está envolvida, segundo a professora Valdirene, com projetos de agricultura orgânica, como os desenvolvidos no Instituto de Biotecnologia e na área experimental da Fepagro, em Fazenda Souza.

“Nossos projetos objetivam ampliar o uso de adubação verde nos sistemas de produção de hortifrutigranjeiros, diminuindo a erosão e melhorando as condições nutricionais, ampliação do uso de compostagem a partir de resíduos agroindustriais, uso de caldas e extratos botânicos, óleos essenciais, controle biológico para controle de pragas e doenças na agricultura, além da avaliação de outros insumos na área da Agricultura Orgânica”, explica.

Essas ações contribuem, conforme avalia Valdirene, com o Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente, juntamente com a Organização das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura (FAO) e a Organização Mundial da Saúde (OMS), que incentivam práticas mais sustentáveis de substituição de pesticidas por produtos com menor impacto ambiental na produção de alimentos. “Trabalhando nessa linha, estaremos reduzindo problemas amplamente discutidos atualmente, como mudanças climáticas e utilização das águas”, conclui.

O curso será realizado na Cidade Universitária, com início programado para quando as vagas forem todas preenchidas.

Por Anahi Fros, com informações da UCS – EcoAgência.

 

Comente!!

Compre aqui

Indicamos

Receba nossas informações:


Nome:



Email: